terça-feira, 22 de agosto de 2017

Savassi Festival 2017

O maior festival de jazz e música instrumental do Brasil realiza a terceira edição no Rio de Janeiro, apresentando ícones do jazz nacional e de Israel, com ingressos a partir de R$20.
No dia 23, o duo Gil Peranzetta e Cliff Korman se apresenta na Sala Cecília Meireles, seguido do grupo Corda, apresentando o repertório de Astor Piazzola. No mesmo dia, no Bar Semente, haverá shows do Duo Bebê Kramer e Gabriel Grossi.
No dia 24 é a vez do Oded Tzur Quarteto e Shai Maestro Trio mostrarem porque o jazz de Israel vem conquistando espaço no mundo todo, na sala de concertos. Também neste dia, o premiado violinista Zé Paulo Becker encerra a etapa carioca do Savassi Festival, com uma apresentação no Semente. O instrumentista, compositor e arranjador tocou com os maiores nomes da MPB do século XX, e segue sua carreira, incentivando e formando nomes  mestres do violão.
Paralelo aos shows, haverá dois workshops internacionais, em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro e a Unirio. O evento é patrocinado pela Oi, com apoio do Oi Futuro. 
"Após seis anos longe da cidade, conseguimos trazer uma parte do Savassi Festival para o Rio de Janeiro", explica Bruno Golgher, idealizador e organizador do projeto, que já reuniu mais de 335 mil pessoas em espetáculos por toda Belo Horizonte. "Pela primeira vez ocuparemos a Sala Cecília Meireles, templo da música de câmara e do jazz".
Segundo o gestor cultural do instituto, Roberto Guimarães, o jazz e a música instrumental são gêneros caracterizados pela criação coletiva, uma das vertentes que o Oi Futuro quer desenvolver na sua atuação cultural. "Ao se realizar em dois palcos tão diferentes, mas que se complementam no fortalecimento do cenário musical da Lapa, o Oi Futuro fortalece a cultura, que interfere para melhor na vida das cidades", avalia Roberto.
O festival, realizado em Belo Horizonte, de 18 a 27 de agosto, com 44 shows, também realiza lançamentos de obras inéditas, fomento a colaborações, parcerias com instituições e comerciantes locais, e o recolhimento de alimentos não perecíveis, destinados para a doação.


       Foto: Divulgação

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Terças Sonoras


  Foto: Divulgação

Para os amantes de boa música, mais uma ideia sensacional em favor da cultura.
O Shopping Grande Rio, em São João de Meriti, traz para o público, toda terça-feira do mês de agosto, gratuitamente, clássicos do samba e do choro. Os shows acontecem na Praça de Alimentação, às 19h.
A atração é uma parceria com a Associação de movimento de compositores da Baixada - AMC, que apresenta um repertório dedicado a grandes nomes, como Pixinguinha, Cartola, Chiquinha Gonzaga, Jacob do Bandolim, Nelson Cavaquinho, Candeia, Altamiro Carrilho e tantos outros.
O show tem a proposta de trazer para o cenário cultural, nomes da música regional, sendo uma vitrine para artistas da Baixada, além de uma opção de entretenimento aos moradores. A AMC é uma entidade sem fins lucrativos, que oferece aulas de música, criada em fins de 1991.
A proposta dos músicos é ser uma alternativa de informação e formação profissional para jovens e crianças de baixa renda, através de aulas de música, ligadas às raízes da cultura brasileira, tendo como prioridade os estilos de choro e o samba de raiz.
Vale a pena conferir!

sábado, 19 de agosto de 2017

Dicas de cultura para o fim de semana

A Cia Deborah Kolker, apresenta, hoje, às 18h e às 21h30, e amanhã, às 18h, o espetáculo veRO, na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, Rio. A coreógrafa fez uma compilação de Velox, espetáculo lançado em 1995 e Rota, em 1997, dois dos maiores sucessos de público da companhia, tendo tido mais de 2 milhões de espectadores em suas apresentações. Os valores do ingresso variam de R$40 a R$80, e a classificação é livre.



No domingo, à partir das 17h, o West Shopping, em Campo Grande, apresenta o teatro "Além das Lendas", que fará uma homenagem ao Dia do Folclore, comemorado no dia 22 de agosto. A peça conta a história de três crianças que participam de um acampamento na Amazônia. Mas o que deveria ser um passeio de estudo sobre lendas brasileiras, acaba se tornando uma aventura fantástica, quando o Curupira e o Saci parecem ser mais reais do que se pensava. A peça gratuita tem produção da Cia Teatro de Bolso e será encenada no 2° piso.



Ainda no domingo, uma atração circense promete agitar a criançada, com a peça "Palhaçaria", no Center Shopping Rio, em Jacarepaguá, às 17h. Produzido pela Cia Cochicho na Coxia, a apresentação gratuita  retrata a história de um grupo de palhaços, que é chamado às pressas por uma rainha. O motivo da convocação é fazer o príncipe sorrir pela primeira vez e conquistar o título de 'Mestre dos Palhaços'. O enredo promete levar uma lição para a garotada: o melhor remédio é o sorriso.



Os pequenos apaixonados por cães terão mais uma opção de lazer gratuitamente no domingo, com a peça "Patrulha de Cães", às 16h, no Shopping Jardim Guadalupe, em Guadalupe. A apresentação faz parte do projeto 'Teatrinho dos Sonhos', e é uma aventura estrelada por três filhotes heroicos, que são liderados por um menino de 10 anos de idade, chamado Ryder. Com uma habilidade única de resolver problemas, veículos legais e muito humor canino, a patrulha trabalha em conjunto, em missões arriscadas de resgate e proteção à comunidade.



Para os antenados no universo dos jogos, no domingo tem um encontro com o Youtuber Cronos. O bate papo acontece das 14h às 16h, na Praça de Eventos Principal. Na oportunidade, Cronos participará de um quizz, comandado por um mediador, onde os participantes poderão fazer perguntas sobre o canal 'Cronosplays', e também sobre o mundo dos games. Após, Cronos receberá os interessados para uma sessão de fotos e autógrafos, presenteando os fãs com cards personalizados pelo canal, que foi criado pelo jovem Marcos Aurélio, em 2012, e considerado um dos que mais crescem no youtube, nesse segmento.


Em uma parceria com o grupo 'CapaciTEAutismo', em conjunto com o MOAB (Movimento Orgulho Autista Brasil), e o SER - Consultórios Especializados, que juntos realizam sessões adaptadas para crianças com distúrbios sensoriais e seus familiares, o Shopping Bay Market, em Niterói, realiza a 'Sessão Azul', no Kinoplex, com a exibição do filme "Carros 3". 
O objetivo do projeto é que as sessões de cinema funcionem como uma extensão ao trabalho terapêutico realizado com a criança, e o engajamento dos pais no processo de tratamento. O volume do som é regulado mais baixo e a iluminação da sala permanece parcial durante todo o filme. Não são exibidos trailers e demais publicidades, e a sessão é acompanhada por uma equipe de terapeutas e voluntários, com a lotação reduzida, para que o público tenha total liberdade para se locomover e interagir.O valor da entrada é R$11.



                                  Fotos: Divulgação 

sábado, 12 de agosto de 2017

A História dos Ritmos Brasileiros

Acontece no dia 12 de agosto, no Sesi Jacarepaguá, e no dia 19, no Sesi Duque de caxias, às 20h, a Aula/Show "Ritmos Brasileiros do Império à Bossa Nova", com Lipe Portinho e Henrique Cazes.
A apresentação se divide em pequenos vídeos retirados do documentário "Ritmos Brasileiros no Contrabaixo", de Portinho, e em apresentações ao vivo dos gêneros musicais exibidos ao lado de renomados músicos, como Henrique Cazes, no cavaquinho e Paulo Sá, no bandolim.
O repertório autoral vai do samba à bossa nova, passando por samba-maxixe, maracatu, baião, xote e frevo.


Após o concerto, os músicos promovem uma palestra/debate sobre a história dos ritmos brasileiros, com a participação de Flávio Silva, diretor do Centro de Música da Funarte, que é considerado o maior etnomusicólogo do Brasil.
Os ingressos estão sendo vendidos com baixo custo, R$12,00(inteira) e R$6,00(meia), dando aos amantes da cultura, a oportunidade de conhecer a história da música do país. 
O endereço do Sesi Jacarepaguá fica na Avenida Geremário Dantas, 940, na Freguesia, e do Sesi Duque de Caxias, fica na Rua Arthur Neiva, 100, Centro.
A classificação é 16 anos.

domingo, 30 de julho de 2017

Homens ganham "Maridoteca" no Shopping Grande Rio

Biblioteca, brinquedoteca, maridoteca. Sim, você leu isso mesmo: maridoteca. Essa é a novidade do Shopping Grande Rio, em São João de Meriti.
A ideia inovadora surgiu após tantas reclamações dos maridos com as compras demoradas das mulheres. Para os homens que curtem passear com suas esposas, o shopping criou um espaço, que só tem recebido elogios. Nele, os clientes podem sentar em um confortável sofá, assistir TV, navegar pela internet, além de jogar baralho e dominó, tudo isso completamente de graça.
Acompanhando as opções de entretenimento, a maridoteca dispõe de serviços de bar, com cervejas e refrigerantes.
O local também pode ser frequentado por elas, naquele momento de relaxar e bater um bom papo com o maridão ou com os amigos.
A decoração é em estilo retrô, de forma agradável e confortável, para receber os clientes no intervalo das compras, ou no descanso do almoço ou jantar.
A maridoteca funciona de quarta a segunda, das 14 às 22h.
Confere Lá!

sábado, 1 de julho de 2017

Pré-candidatura de Ysani kalapalo para deputada federal

Faltando um pouco mais de um ano para as eleições de 2018, onde os brasileiros terão a oportunidade de escolha ao cargo de presidente, governador, senador e deputado federal e estadual, os partidos já se organizam para o lançamento das pré-candidaturas.
Ysani kalapalo, ativista, recebeu o convite do Partido Verde e do PNI, Partido Nacional Indígena, para concorrer como deputada federal, como representante do povo. Se aceitar, será a primeira mulher indígena no cargo, em São Paulo.
De acordo com Ysani, o convite já havia sido feito em 2009, mas não foi aceito. "Sentia que precisava estudar e conhecer mais a cultura branca. Hoje me sinto mais preparada. Como ativista, lutei por muitas causas, principalmente a indígena. Depois desse convite, tenho pensado muito, pois a política pode ser positiva e negativa também. Quando uma pessoa honesta entra, realmente faz acontecer. E sabemos que a nossa política está cheia de corruptos, com más intenções". Esclarece.
Filiada há oito anos no Partido Verde, Ysani kalapalo acompanha e participa de tudo o que pode para que o país saia dessa crise política e econômica que tem passado. Diz não se importar com partido, pois acredita que eles são feitos pelas pessoas.
O convite dessa vez partiu do diretor do PNI, que tem convênio com o Partido Verde, Chico, da etnia Tabajara, de Brasília, através de uma postagem para Kalapalo:
"Prezada amiga Ysani Kalapalo. Tendo em vista as conjunturas políticas e sociais que vivemos hoje. Tendo em vista o desgaste corrosivo dos três poderes. Tendo em vista a falta de patriotismo e nacionalismo do nosso corrupto Congresso Nacional. Tendo em vista a falta de representantes de bases sociais no congresso. Tendo em vista a falta de um ou mais representante indígena no Congresso Nacional. Eu, como Secretário Geral do PNI, Partido Nacional Indígena, venho a público solicitar que aceite se candidatar ao cargo de Deputada Federal por São Paulo no próximo pleito, acreditando que os paulistas saberão lhe reconhecer e dar uma oportunidade para os índios do Brasil. Atenciosamente, Chico Dentista."
Para ajudar em sua decisão, Ysani tem se reunido com sua tribo, na aldeia Kalapalo, no Mato Grosso, e também com outros ativistas da causa indígena. "Quero fazer a diferença. Colocar em prática tudo o que sempre lutei até agora. Conquistar mais direitos, mais respeito. Se aceitar, pretendo trabalhar e lutar muito mais", finaliza.


                   Foto: arquivo pessoal






sábado, 3 de junho de 2017

Meio ambiente é cultura

Opinião

Em 05 de junho é comemorado no mundo todo o Dia do Meio Ambiente. Nada mais do que justo, embora eu creia que todos os dias devessem ser de conscientização, poi sem meio não tem ambiente, não é mesmo?
Vivemos na era da tecnologia e nunca o termo sustentabilidade foi tão debatido quanto agora. Não é por menos, quando o planeta sofre com a degradação da natureza e dos seus recursos.
Todo mundo gosta de ver uma paisagem bonita, verde , e um rio de águas claras e cristalinas, porém poucos colaboram para que essa visão continue.
É necessário que todos nós encontremos um ponto de equilíbrio para que coexistamos sem destruir  os recursos naturais da Terra.
Acredito que uma das primeiras lições seja em relação ao consumo. Consumo versus lixo deve estar sempre em nossa lista de prioridades.
O Brasil é um dos países que mais consomem no mundo, e segundo dados de pesquisa da Abrelpe, Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais, do ano passado, de 2000 a 2014, a geração de lixo aumentou cinco vezes mais do que em relação ao crescimento populacional, ou seja, estamos consumindo e descartando por cinco pessoas.
Outra questão chatinha, porém importantíssima, é a do descarte desse lixo. Todos nós já estamos "carecas" de saber que existem materiais que demoram muito a se decomporem quando descartados na natureza, como é o caso do plástico e do metal, que levam cerca de 100 anos.
Pense naquela sacola do supermercado que é jogada nos rios das cidades. Ela ainda vai estar lá quando a sua terceira ou quarta geração estiver chegando ao mundo; Muito louco isso, mas é real.
Por isso é tão importante a coleta seletiva e a reciclagem dos objetos. É sabido o quanto ainda é precária essa dinâmica, mas é necessário que cobremos da prefeituras esse tipo de coleta e que façamos essa separação do lixo em casa, nas escolas, nas empresas, nas praças, para que essa cultura daqui a vinte, trinta anos esteja entranhada na sociedade.
O Brasil é um país novo, que pode aprender isso. Mas precisamos ter um engajamento para que funcione.
Existem muitas outras formas de colaborar para um meio ambiente sadio, essa foi apenas uma delas. Consumo consciente, coleta seletiva e reciclagem. Que a gente possa repassar essa ideia.
Tem um ditado antigo que diz que devemos ensinar as crianças para que não precisemos punir os adultos, algo deste tipo. Então eu deixo uma super dica de conscientização para as crianças aprenderem a amar e cuidar do planeta, de uma forma lúdica: a peça "A Lebre e a Tartaruga", no próximo dia 4, às 17h. A atração faz parte da programação 'West Shopping Kids', um projeto mensal do empreendimento voltado para eventos gratuitos infantis, produzido pela Cia Teatro de Bolso, aos domingos.
Cansada de ser maltratada pela lebre, a tartaruga aceita o desafio de participar de uma corrida. Durante o percurso, elas aprendem muito e decidem usar a oportunidade para conscientizar a todos sobre a importância de se cuidar da natureza.
O West Shopping fica na Estrada do Mendanha, 555, Campo Grande, RJ.
Acredito que já seja um bom começo!

                 Foto: divulgação

sábado, 27 de maio de 2017

Make inverno - Inspiração na década de 80

Beleza


Fotos: arquivo pessoal


Moda é comportamento e são nossas atitudes que inspiram o mundo.
De alguma forma, o planeta inteiro segue 'tendências', uma conjuntura ligada aos fenômenos comportamentais da sociedade; fazem isso para criar e vender produtos de 'modinha'. As informações vêm dos bureaus mundiais, empresas que são especializadas em pesquisas de tendências.
Não existe uma única pessoa responsável pelas decisões e inspirações; são estudos e mais estudos dos nossos hábitos, do meio ambiente, da economia, etc. Conforme mudam os comportamentos, mudam as tendências.
Os lançamentos de inverno, sem dúvida, receberam inspiração na década de 80. Looks monocromáticos serão muito usados e brincadeiras de combinar sombra e batom, sombra e blush, delineador e batom num mesmo tom será hit pelas ruas e festas durante a estação fria. Quem dá as dicas é Fábio Gonçalves, maquiador profissional premiado e colunista de beleza na revista 'Vida e Negócios'. "Texturas com brilho será comum nos cosméticos em geral, e a volta da boca com gloss é um investimento certeiro para quem gosta de estar na moda. Mas defendo a questão do estilo próprio sempre; ninguém pode decidir o que você vai comprar ou usar, essa decisão deve ser sua". Ressalta.


O que não pode faltar para uma make perfeita?
Não pode faltar uma pele limpa, bem feita e preparada para receber a maquiagem.

Qual a tendência de maquiagem para o dia e para a noite?
Uma maquiagem para ser usada durante o dia, precisa ser de acordo com as necessidades da pessoa, e o look pode variar muito a cada ambiente que se frequenta. No geral é sempre bom optar por cosméticos que trazem em suas fórmulas composições benéficas para a pele e para o uso diário, como proteção solar, hidratação, cuidados com a acne e poluição, durabilidade e conforto.
Para a noite, volto a tocar no assunto estilo, pois a criação do look depende muito disso. No geral, para ter mais eficácia, pode pedir mais intensidade, não só na quantidade aplicada, mas na escolha das cores e das texturas.


Qual o tipo de maquiagem mais pedida?
Uma pele levinha e luminosa glow, iluminador, cílios postiços, esfumado marrom ou preto, batom nude ou amarronzado, rosa ou vermelho.

Quais as novidades no mercado cosmético?
O 'Strobe Cream', um creme bem levinho, extremamente refletivo, brilhante e iluminador, que ao contrário da técnica do contorno, valoriza os volumes naturais do rosto e dos ossos da face.


Como economizar na maquiagem?
Existem técnicas que são boas, mas que por outro lado podem desperdiçar um pouco o produto, como, por exemplo, aplicar batom e base com pincel ou pó e sombra com esponjas. Para economizar a base, aplique com a ponta dos dedos ou com uma esponja de silicone transparente. Para economizar o batom, aplique-o direto nos lábios e o pó, compacto ou não, com um pincel bem grande, macio e em poucas quantidades.

Na sua opinião, qual famosa sempre arrasa na maquiagem?
A cantora Bjork

A maquiagem deve combinar com as roupas ou com os acessórios?
A maquiagem foi feita para embelezar, então não precisa se preocupar em combiná-la com nada. A cosmética é tão diversificada no mercado, atendendo a todos os estilos. A make pode ser usada para corrigir e disfarçar imperfeições e evidenciar a beleza natural. Cada pessoa deve usar a maquiagem da forma que se sinta bem e atenda suas necessidades. Não há problemas em usar um batom vermelho com um vestido vermelho, nem um vestido vermelho com batom nude ou preto, se quem estiver usando estiver se sentindo bem consigo mesmo.

Que tipo de maquiagem você indicaria para quem tem um estilo incomum, por exemplo, hippie?
A receita é ir para a frente de um espelho e experimentar. A maquiagem representa um mundo de oportunidades, que leva ao caminho da felicidade e do bem-estar... Se gostar, arrase e seja feliz!

terça-feira, 23 de maio de 2017

Mulher - Liderando sua vida

Créditos foto: Ana Cola


O Projeto Lótus promove o curso "Mulher - Liderando sua vida!", que será ministrado em parceria com o psicólogo Arthur Salles, com o escritor Ricardo Benevides, com a terapeuta Bianca Tolomei, com a filósofa Thaís Publio e com a médica homeopata Myrian Marino, com a intermediação da idealizadora e fundadora da instituição, Priscilla Zanatelli.
O curso será dividido em cinco módulos, que começará amanhã, 24 de maio, das 19h às 21h30, na Barra da Tijuca, RJ.
Os encontros serão semanais, em formato de workshop, com debates e troca de experiências, com o objetivo de levar a participante a refletir, a questionar, a avaliar a sua trajetória pessoal e profissional para fazer escolhas de forma plena e consciente.
O Projeto Lótus é um centro de criação, integração e aplicação de ações de desenvolvimento humano, que tem como princípios semear a sabedoria, inspirar a coragem e a ação para colher resultados e realizar sonhos.
De acordo com Priscilla Zanatelli, o curso propõe um olhar interno e uma troca de experiência, ampliando a consciência da participante. "Assim, ela encontrará uma forma viável, real e feliz para seguir o seu próprio caminho mais confiante", finaliza.
As inscrições podem ser feitas pelo www.sympla.com.br/projetolotus e outras informações pelo telefone 98396 0203.
O endereço do Projeto Lótus fica na Avenida das Américas, 3500, bloco 7, Hong Kong, sala 438, Condomínio Le Monde, Barra da Tijuca.

sábado, 20 de maio de 2017

O Gato de Botas

Infantil


                                                Foto: Divulgação


Neste domingo, dia 21 de abril, o West Shopping apresenta para a criançada, o clássico infantil, "O Gato de Botas", de Charles Perrault.
A peça, porém, é uma adaptação moderna do famoso conto, que tem como personagem principal um gato ousado e muito esperto, com abordagens divertidas do nosso dia a dia. 
O evento faz parte da programação"West Shopping Kids", projeto mensal do empreendimento, voltado para o público infantil, sempre aos domingos.
Produzida pela Cia Teatro de Bolso, a atração será encenada no 2º piso do shopping, próximo à loja Polishop, a partir das 17h.
Com texto e direção de Anderson Oliveira e Ronize Carrilho e com figurino de Ângela Figueiredo, o espetáculo tem a duração de aproximadamente 1hora e a entrada é gratuita.
O endereço do West Shopping fica na Estrada do Mendanha, 555, Campo Grande, RJ.

O nome dela é Valdemar

Teatro



                             Foto: Divulgação


Estreia hoje, no Teatro santo Agostinho, em São Paulo, a super comédia "O Nome Dela é Valdemar", do conceituado dramaturgo brasileiro Aziz Bajur.
O espetáculo tem uma montagem inédita, apropriando-se dos elementos dos anos 80 e da Pop Art, para dar vida aos personagens e contar esta história tão divertida, numa linguagem, tom e ritmos próprios do Teatro de Costumes.
O elenco, que é composto pelos atores, Kaká de Lima, Marcello Iazzetti, Danillo Branco, Márcio Marinello e Inah de Carvalho, conta a história de Valdemar e de tantos outros que abandonam suas vidas antigas e saem em busca de um sonho, com muitas confusões e cenas hilariantes.
De forma divertida e engraçada, Aziz Bajur trata de um assunto polêmico e muito comentado, que é a dificuldade de alguns em assumirem sua sexualidade, claramente por medo da reação da sociedade e principalmente da família.
A temporada vai até 29 de julho, aos sábados, sempre às 19h.
O endereço do Teatro Santo Agostinho fica na Rua Apeninos, 118, Liberdade, SP.


Happy hour com a cantora Beth Máximo

Música





O Shopping Bay Market promove hoje um happy hour com a cantora Beth Máximo, a partir das 19h.
Com um repertório eclético, a artista  promete encantar o público de Niterói com a melhor da MPB. O evento é gratuito e será na Praça de Alimentação.
Beth já lançou o EP "Abrigo", em 2015, no Teatro Rival Petrobrás, com participação de Eliana Printes e direção musical de Paulão 7 Cordas, que também assina os arranjos das composições deste trabalho.
A musicista une música e solidariedade em sua vida profissional, já que destina a renda de algumas apresentações para instituições sociais.
O Shopping Bay Market fica na Avenida Visconde do Rio Branco, 360, Centro, Niterói, RJ.

terça-feira, 16 de maio de 2017

Áfricas - Herero, Himba, Pokot e povos nômades

Exposição



Começa amanhã, 17 de maio, às 19h, no Centro Cultural Justiça Federal, a exposição "Áfricas: Herero, Himba, Pokot e povos nômades", da fotógrafa Alice Kohler. 
São fotografias que pretendem mostrar um pouco dos encontros fortuitos, que tornaram as viagens de Alice, pelo continente africano, momentos de revelação e descobrimento de um mundo quase intocado. Seja nos desertos e savanas ou nos centros urbanos, a população africana se esmera em originalidade, com seu jeito colorido, com panos e contas, que contam a história das tribos, dos clãs, dos povos, de ontem e de hoje.


Atualmente a África possui 2.092 línguas faladas, que correspondem a nada menos que 30% dos idiomas em todo o planeta, além de mais de 8.000 dialetos. Apaixonada por essas etnias e por toda a diversidade que as cercam, a fotógrafa, em um período de quatro anos, realizou três viagens ao continente: Benin, África do Sul, Quênia, Botswana e Namíbia. De acordo com Alice, em cada uma delas, saltaram aos olhos, figuras femininas e masculinas, que destacavam entre si atributos, como beleza, elegância e nobreza, em meio a cenários mais ou menos inóspitos e precários.



"Em minha primeira viagem, em 2012, acompanhada de um médico nômade sem fronteiras, doutor Aldo Lo Curto, seguimos para Ganvie, uma lagoa, onde vive uma comunidade de religião animista, que mora em casas de palafitas e vive de pesca. Na periferia da cidade fizemos trabalhos sociais, viajamos para algumas aldeias nas savanas, e enquanto o médico cumpria seu ofício como cirurgião, eu fotografava toda aquela diversidade humana, que desfilava em minha frente, em todos os sentidos, antropológico, histórico e cultural". Emociona-se Alice.





Em 2014, já na África do Sul, a fotógrafa teve o 
contato com o povo Himba, que vive na fronteira com a Angola, em uma área de deserto, onde quase não existe água e passam a vida sem tomar banho. Segundo Alice, "suas figuras são incrivelmente sedutoras, com os corpos cobertos por uma terracota, os cabelos em longos dreads, da mesma cor, e inúmeros adereços muito coloridos nas cabeças, pescoços e nos braços."


A convite da monja budista, Doju, em 2015, Alice foi trabalhar com crianças de uma escola, em Laikipia, no Quênia, onde houve uma invasão do povo Pokot. Tudo sendo registrado por suas lentes.


Com um olhar apurado e suas fotografias, Alice Kohler nos leva a caminhos mágicos, cheios de calor e cores, típicos do povo africano. Imperdível!
A exposição vai até o dia 02 de junho. 
O endereço do CCJF fica na Avenida Rio Branco, 241, Centro, Rio de Janeiro.


segunda-feira, 15 de maio de 2017

Dani Night, Solteira, Procura

Teatro


Foto: Divulgação


A comédia nordestina, "Dani Night, Solteira, Procura", escrita e encenada por Michelle Ferrúcio, há três anos em cartaz, segue sua turnê carioca, nos dias 17 e 24, no Cine Joia, em Copacabana, e nos dias 18, 20 e 21, no Festival de Monólogos, no Teatro Ziembinsky, na Tijuca.
A peça trata sobre o universo feminino, de uma forma cômica, onde Danielle, interpretada pela autora cearense, é uma mulher sensual, decidida, corajosa e sem papas na língua. Uma personalidade forte, que aos 37 anos decide que precisa se casar e ter alguém para chamar de seu. Assim, deixa de lado todas as noites de farra com as amigas, que lhe renderam o apelido de Dani Night.
"Dani é uma mulher desesperada para casar. Preparando-se para um novo encontro, entre remédios e bebidas, ela revela suas histórias eletrizantes, em busca desse homem ideal", conta a atriz, que tem estado com a peça em várias cidades do Norte e Nordeste do Brasil.
Sozinha em cena, Michelle Ferrúcio relata as frustradas e divertidas tentativas de Dani Night para encontrar um marido. Uma identificação direta com o público feminino e gay. Os homens se divertem também, pois assim percebem o que se passa na mente feminina. A interação com a plateia faz o espetáculo se tornar único a cada sessão. A personagem está decidida que esse será o encontro de sua vida e não pretende colocar tudo a perder.
"A peça é bem cosmopolita do Nordeste. Eu trouxe o sotaque e a mulher arretada. O texto cria uma rápida identificação com o público em geral. Sempre há alguém que já fez as loucuras da personagem e que vive o dilema de não ter encontrado o seu grande amor", finaliza.
O endereço do Cine Joia fica na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 680, Copacabana, e o do Teatro Ziembinsky fica na Rua Urbâno Duarte, 30, Tijuca.
Horário: quinta e sábado às 20h e domigo, às 19h.
Ingressos: R$30,00 (inteira)
                R$15,00 (meia)


domingo, 14 de maio de 2017

Mães Universitárias

Comportamento

Elas estão sempre dispostas, são as primeiras a estarem de pé e as últimas a se recolherem, correm de lá pra cá, para conseguirem atender a demanda que a maternidade trouxe. 
Com uma vida tão corrida, voltaram a estudar, contrariando todas as expectativas, de que não conseguiriam conciliar os cuidados com os filhos e as diversas disciplinas, trabalhos em grupos, monografia, provas, etc...
São as mães universitárias, mulheres que driblaram a rotina, em busca de um sonho pessoal.
A dificuldade aumenta quando se está muito tempo afastada, como a carioca Simone Vicente Gomes Gonçalves, de 44 anos, mãe de um casal e longe dos estudo há mais de 20 anos. Simone conta que já tinha em seus projetos, cursar Administração, mas só conseguiu retornar quando seus filhos já estavam crescidos. Foi quando viu que era o momento de colocar em prática os seus objetivos. Para isso, optou estudar por um método semipresencial, no período noturno, quando o marido já estava em casa para cuidar das crianças, hoje com 12 e 16 anos. "Tive que abrir mão, principalmente, de dormir a noite inteira; dormia pouco, pois como era semipresencial, tive que me dedicar ainda mais, devido os muitos trabalhos acadêmicos, avaliações de cada disciplina durante o semestre, com prazos já estabelecidos para entregar... cuidava da casa, filhos... lembro que via o dia clarear, por muitas vezes dormia na frente do computador. Mas nunca pensei em desistir, eu tinha um propósito", avalia Simone .



Outro caso bem parecido é o de Marcela Regina da Silva. A alagoana, de 31 anos, também fez uma graduação semipresencial, por ser mãe de Guilherme, na época com seis anos de idade. Como era professora, seu tempo era mínimo, então estudava Pedagogia aos domingos, a cada duas semanas. Marcela conta que não era fácil, teve que abrir mão de muitos passeios, domingos com a família, mas obteve muito apoio do companheiro, inclusive financeiro. "Depois de um período, me mudei de cidade, então ficou bem difícil. Eram quatro horas de viagem, fora os gastos com passagens e alimentação. Pensei em desistir algumas vezes, mas tive fé e perseverança." Declara, Marcela, hoje mãe do recém-nascido Bernardo.



Superação foi o que não deixou Conceição Aparecida desistir. A mineira, de 43 anos, cursava Administração, quando teve um problema gravíssimo de saúde, ficando internada, afastando -se durante um ano de seus estudos. Como Conceição tinha duas filhas, Suzana, de 14 anos e Suellen, de 10 anos, fazia um curso à distância, indo na universidade apenas para fazer as provas. Segundo ela, ficar 20 anos sem estudar foi um desafio, mas  que foi muito incentivada pelo cunhado Gabriel, que foi quem falou desse tipo de graduação e por sua amiga Rita. "Conciliar estudos, com os cuidados com as minhas filhas foi muito difícil, pois sou muito protetora, por mais que estejam maiores hoje, mas meu marido me deu muito apoio... Acho que as pessoas devem insistir, fazer a faculdade que almejam. Essa modalidade EAD tem sido muito procurada e assim muitos conquistam sua graduação, basta ser dedicado. Nunca desistam de seus sonhos!" Enfatiza.



Após nove anos sem estudar, aos 29 anos e com três filhos, de 14, 12 e 9 anos, a carioca Lidiane Mara dos Santos Melo, conclui, esse ano, a tão sonhada faculdade de Jornalismo.
Segundo Lidiane, foi bem difícil o período de adaptação. Era muito cansativo por causa da distância e por ser em período noturno. Ela conta que também teve muito apoio do marido e que apesar de quase não ter tempo livre, amadureceu bastante. " Depois que comecei a estudar, cresceu em mim uma vontade de não parar mais. Pretendo fazer uma pós, mestrado e doutorado. Penso também em cursar Letras. Voltei aos estudos, já com família e responsabilidades, mas não me limitei às minhas dificuldades, foi além do que eu imaginava... Sou grata a Deus por sempre me dar forças", comemora a universitária, que está em fase final de sua monografia.




Outra estudante de Jornalismo, Catiana Barros de Oliveira Neves, de 30 anos, que voltou para a universidade após nove anos. Trabalhando como cabeleireira, Catiana tem dois filhos, um de seis e o outro com treze anos. Divorciada, ela conta que é bem difícil arcar com todas as despesas e conciliar a agenda e filhos, já que precisou se mudar de cidade. "No começo senti um pouco de preconceito, pois com a maternidade, adquiri uma maturidade, que muitas vezes influencia no modo diferente de pensar dos outros alunos, já que a maioria é bem jovem." A universitária é uma mãe dedicada e comemora, pois tem tido bons resultados nas suas notas.



Quando já se tem uma formação, o retorno para uma segunda graduação não tem mais tanta pressão. É o que relata Fernanda Madureira Santaguida, empresária de 39 anos. Formada em Direito, a carioca retornou aos estudos em 2014, já com os filhos, Vinícius de oito anos e Guilherme de dez. Segundo Fernanda, que atualmente cursa Educação Física, essa nova graduação é uma oportunidade de divulgar seus cursos, que são nesta área, e uma forma de trocar ideias com outros estudantes. Ela procura conciliar com os cuidados maternos, casa e trabalho, e como pegou poucas disciplinas, consegue se dedicar bastante. "Ser mãe sempre foi meu maior projeto, tenho os filhos que desejo, e eles sempre virão em primeiro lugar em tudo o que faço", enfatiza.
A advogada relata, que pensou em desistir em 2015, quando passou por problemas de saúde, que se prolongaram até 2016, mas com o apoio do marido e diminuindo sua grade de disciplinas, prosseguiu. Sua rotina é bem corrida, pela manhã leva os filhos para o colégio e vai para a universidade. Pela tarde cuida da casa, das tarefas com os filhos e do trabalho. Sobre o convívio com os colegas de turma, Fernanda diz que é a "tia velha", pois foge do biotipo esperado para um aluno de Educação Física, mas passado o susto inicial, todos acabaram gostando. Montou um grupo de estudantes e hoje é conhecida em mais de 16 instituições de ensino no Rio de Janeiro.
"Fiz minha primeira faculdade com muita pressão, me cobrava demais, tinha 23 anos, queria provar meu valor. Hoje já tenho meu trabalho, filhos, casa... Os meninos já realizam algumas tarefas, me ajudando a ter tempo para estudar; mas desta vez, a leveza dá o tom; se fui bem na prova, maravilha, se não, vamos estudar um pouco mais e pronto". Finaliza.



Que cada mãe, cada mulher, tenha essas idealistas como exemplo, de que não há época ou idade certa para estudar. O que existe é a força de vontade.
Feliz dia das mães!

sábado, 13 de maio de 2017

Somos Todas Caboclinhas

Cultura



                         Foto: Divulgação

O Instituto de Pesquisa e Cultura Negra, que é uma organização de grande relevância na luta pela preservação da cultura afro-brasileira, promove a Trezena IPCN da Liberdade, Território e Identidade, com o evento "Somos Todas Caboclinhas", no dia 21 de maio. 
Caboclinhas é um evento artístico e cultural, criado em 2013, pela musicista, cantora e produtora cultural, Lizza Dias, que tem como principal referência, a música regional brasileira e os ritmos afros. 
Lizza tem sua atuação artística desde a infância, participando de eventos de várias modalidades em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. A artista cresceu recebendo aplausos por seu talento e por sua linda voz, mas sem nunca perder a humildade.
Aos 16 anos, obteve  sua carteira de musicista profissional, pela Ordem dos Músicos do Brasil (OMB), o que lhe habilitou partir para novos desafios. 
Lizza Dias contribui na formação de um coral para crianças afrodescendentes, no Quilombo do Paredão, Rs, onde ministrou oficinas durante dois anos. 
A cantora passou por várias bandas de Porto Alegre, como a Afro-tchê, de axé music e a Toque Fatal, com repertório variado de MPB e músicas internacionais. Também se apresentou fazendo backing vocals, para grandes nomes da música brasileira, como Alcione, Leci Brandão, Dudu Nobre, Almirzinho, entre outros.
Atualmente, a artista, que mora no Rio de janeiro, se apresenta com o "Caboclinhas - Circuito de Herança Africana e Carioca", que é um evento colaborativo, que conta com a ajuda de vários artistas e coletivos de vários territórios, e que acontece uma vez por mês.
O palco principal do evento é a Praça dos Estivadores, Zona Portuária, lugar que tem um valor histórico-cultural muito grande para o Rio de Janeiro.
Caboclinhas leva para a praça um espetáculo musical e visual, com muita dança, canto, palestras, diversas oficinas e espaço para expositores.
Para quem quiser fazer parte do projeto e para outras informações, o telefone é 21 98288 2552. 

sexta-feira, 12 de maio de 2017

1° Festival de Hambúrgueres Artesanais

Gastronomia

Fotos: Divulgação


Nos dias 12, 13 e 14 de maio, a Feira Gastronômica Itinerante estará no Parque Leopoldina, em Bangu, Zona Oeste do Rio de Janeiro, levando aos moradores, muito sabor com o "1° Festival de Hambúrgueres Artesanais".
O evento, que começa às 17h, pretende promover atrações que entretenham a população, com marcas regionais, além de promover uma recuperação positiva de praças e locais desocupados. Entre as opções oferecidas, haverá hambúrgueres flamejantes, picantes, veganos, entre outras iguarias.
Os famosos hambúrgueres conquistam os mais distintos paladares, e na feira virão em versões diferenciadas, agradando a todos os gostos.
O público contará com a animação de DJ e com música ao vivo das bandas Dizaê, Parada Noturna, Kau Herdy, Trejeitos e os Cascas.
O festival contará também com distribuição de rosas e aulas gratuitas de pole dance, com a instrutora Cris Pole. Para as crianças, terá parque infantil e oficina de pintura em tela.
O endereço do Parque Leopoldina fica na Rua Júlio José Rosa, 20, Bangu, RJ.  

Guilherme Lemos canta sucessos de Renato Russo

Música

 Foto: Divulgação


O West Shopping realiza hoje, 12 de maio, a partir das 19h, um show especial com o cover oficial de Renato Russo, Guilherme Lemos. A atração é gratuita e faz parte do "Repertório Musical", projeto que leva à região, apresentações de artistas dos mais variados gêneros musicais, na praça de alimentação.
O cantor promete embalar as mães e suas famílias, com os grandes sucessos da banda brasileira de rock, Legião Urbana. Dentre as canções que serão apresentadas ao público estão "Pais e Filhos", "Tempo Perdido", "Faroeste Caboclo", "Ainda é Cedo" e "Será". Guilherme é carioca e também compositor. Fã da banda brasiliense desde os 11 anos, começou sua trajetória pelo mundo da música aos 15, começando a atuar profissionalmente como cover de Renato Russo em 1995. Após participar de programas como "Domingão do Faustão", "Super Pop" e "Show do Tom", Guilherme Lemos ganhou reconhecimento, fazendo apresentações pelo Brasil, em locais consagrados, como o Teatro Rival Petrobrás, Circo Voador, Bar do Tom, lonas, arenas e eventos municipais.
"O show foi escolhido para homenagear as mães, com uma atração que agradasse aos mais diferentes perfis. Esperamos que nossas homenageadas curtam bastante esse momento especial, com as músicas dessa banda, que é referência no rock nacional, ao lado de suas famílias", declara a gerente de marketing do West Shopping, Cristiane Guimarães.
O West Shopping fica na Estrada do Mendanha, 555, Campo grande, RJ.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Presente da mãe - corre que ainda dá tempo

vitrine

Todos os dias do ano são delas; Mas um dia específico é tão realmente delas, que não dá para passar em branco.
Na hora de comprar o presente das mamães, o que vale é a criatividade, para homenagear aquela que é responsável por todo amor, carinho e cuidado com os filhos.
Existe uma infinidade de presentes, que varia de acordo com  a personalidade de cada uma. Perfumes, roupas, livros e até viagens...
De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito, aproximadamente 109 milhões de brasileiros devem presentear alguém no Dia das Mães. Se  você ainda não pensou no que dar para a sua, reunimos algumas dicas bacanas, que com certeza a deixará muito feliz.
Na Costa Verde do Rio de Janeiro, o Portobello Resort & Safári, em Mangaratiba e a Pousada Port Imperial, em Paraty, oferecem descontos especiais para aqueles que querem homenagear as mães em grande estilo. O Portobello conta com 25% de desconto, na diária entre os dias 12 a 14 de maio. Durante o período, os hóspedes participarão de refeições temáticas, como jantar italiano, sábado de feijoada e paella no domingo. A diária conta com pensão completa (café da manhã, almoço e jantar), incluindo as bebidas e atividades para adultos e crianças.


A 144 quilômetros do resort, está a bucólica Paraty. Localizada no centro histórico da cidade, a Pousada Porto Imperial está oferecendo 30% de desconto aos filhos que reservarem o pacote também entre os dias 12 a 14 deste mês. A tarifa inclui o café da manhã.


Outra dica de presente criativo está sendo oferecido no Américas Shopping, na Avenida das Américas, como forma de curtir ao lado do filho. É a "Fantástica Caixa de Presentes", inspirada naquele conhecido brinquedo que "pega" brindes. A tradicional garra de ferro, instalada para buscar os objetos, possibilita que o participante seja suspenso dentro de uma enorme caixa cheia de presentes. A máquina é manipulada por alguém do lado de fora, através de um joystick. Ao capturar uma das caixas, a mãe será presenteada com um presente surpresa das lojas do shopping.


Para aquela mãe que curte uma boa gastronomia, o restaurante Opium, em Ipanema, oferece um menu exclusivo no próximo domingo. Serão três opções de pratos, elaborado pelo renomado chef Mário Sérgio.


As mães vaidosas, que se cuidam, com certeza apreciarão os produtos da linha "Keramax Co-Wash Suave Poo", da Skafe Cosméticos, que são livres de petrolatos e que vêm em três versões, por R$38,00. Já para quem deseja dar uma lembrança temática, as canecas da Petit Cadô, no West Shopping, estão lindas!


Livros também são excelentes opções de presentes, principalmente neste momento, em que as mulheres, cada vez mais, ganham papéis determinantes dentro da sociedade, resultado do empoderamento feminino. "Quais de mim você procura? - 50 histórias de mães empreendedoras", é uma publicação que narra a trajetória dessas mulheres que são mães e aceitaram o desafio de empreender em diferentes situações, que vão desde a necessidade de melhorar a renda da família, às circunstâncias mercadológicas ou simplesmente o amor ao trabalho. O livro está à venda nas melhores livrarias do país, ou através do site www.agoraquesaoelas.com.br, com o valor promocional de R$29,90.

  Fotos: Divulgação

De acordo com a proprietária da loja Avatim, Patrícia Pedrosa, no Américas Shopping, são boas as expectativas de venda para esse período e a perspectiva é que aja um incremento de 20% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado. "Os produtos mais procurados são os esfoliantes, hidratantes e difusores de essência", diz. Para atrair clientes, a loja participou do caderno de presentes imperdíveis do jornal O Globo, no dia 30 de abril e contribuiu para a campanha promocional do shopping, onde 30 kits da Avatim serão sorteados.
A loja Zinzane, do shopping Grande Rio, promoveu diversas ações para alavancar as vendas. Os clientes encontram diversas opções de presentes até R$99,00, além da promoção leve 4 e pague 3, onde a peça de menor valor vai de presente. De acordo com a gerente, Carla da Silva, a loja recebeu um incremento de 35% no fluxo de clientes e a expectativa é de um aumento de 28% nas vendas, em comparação a 2016.

Serviço
Portobello Resort & Safári - Rodovia Rio-Santos, Km 434, Mangaratiba, RJ - 4020 8005
Pousada Porto Imperial - Rua Tenente Francisco Antônio, s/n°, Centro Histórico, Paraty, RJ - 24 3371 2323
A Fantástica Fábrica de Presentes - Américas Shopping - Avenida das Américas, 15500, Recreio, RJ - 21 2442 9900
Restaurante Opium - Rua Farme de Amoedo, 34, Ipanema, RJ - 21 3687 2014
Linha Keramax - Skafe Cosméticos - SAC: 0800 7098 163
Caneca Petit Cadô - West Shopping - Estrada do Medanha, 555, Campo Grande, RJ - 21 3178 9501