sábado, 29 de abril de 2017

Exposição
       Foto: Divulgação

Este ano é o 70° aniversário da icônica cooperativa de fotografia "Magnum Photos". Em comemoração, haverá uma programação global, de histórias e eventos culturais e educacionais, no próximo dia 30, das 18h às 22h, e nos dias 6 e 7 de maio, no mesmo horário, no "Reserva Cultural", em Niterói, em formato de pocket festival.
Também serão apresentadas ocupações criativas, que comemoram o legado histórico, a comunidade e a prática fotográfica contemporânea.
"Os Novos Coletivos" é um dos temas escolhidos e o mais incidente ao legado da Magnum nestes 70 anos: quem são e o que produzem, e como se articulam os novos impulsos e inspirações na estrutura de uma coligação, agência e cooperativa. A junção de vozes apontadas em questões sociais, direitos humanos, eventos históricos e retratos de uma geração na sociedade e cultura, que os moldaram e nas transformações testemunhadas através de registros, contadores a serviço da história.
Serão 10 projeções no hall principal da Reserva Cultural; 10 fotógrafos narrando as história das fotos icônicas; projeção coletiva com 70 fotógrafos da Magnum sobre diferentes gerações; trabalho das mulheres fotógrafas, dentre outros. Ou seja, uma grande comemoração da produção fotográfica, das colaborações, conexões e da comunidade que nos une, mesmo depois de mais de meio século. 
A ideia é utilizar a fotografia como bem coletivo, como empoderamento de muitas visões, intercaladas por objetivos e utopias comuns.
Serão seis coletivos, ocupando espaços por meios de projeções e uma pocket exposição de 28 imagens ao longo do hall do espaço, no intuito de expressar o tema "Legados e Testemunhas", que compreende literalmente e subjetivamente várias temáticas. Na esfera global: social, meio ambiente, cultura, movimentos; e na esfera pessoal: personagens; realizações; resultados; resiliência; comprometimento; ações sociais; balança de ação e reação; passado, presente e futuro.
O objetivo da "Magnum 70th Rio" é produzir uma ocupação em um espaço cultural, que represente também um legado para a cidade. E ao se tratar de registros e testemunhos, o quão extenso este papel se torna necessário. Oferecer à cidade de Niterói, uma visita em um espaço com projetos que apontam a criatividade e produção coletiva dos precursores da nova linguagem fotográfica, fazendo a diferença em seus meios e tempos, muitos derivados de projetos sociais em favelas, entendendo a importância e significância destes coletivos atuais.
A Reserva cultural fica na Avenida Visconde do Rio Branco, 880, em São Domingos, Niterói.
Maiores informações pelo telefone (21) 3604-1445.



sexta-feira, 28 de abril de 2017

Vergonha nacional

Opinião



Essa é uma das inúmeras fotos, que estão rodando nas redes sociais. Ela faz parte da marcha que os indígenas fizeram, no último dia 25, até o Congresso Nacional, em Brasília. 
Cerca de 3.000 índios, de diversas etnias, fecharam a Esplanada dos Ministérios, reivindicando direitos na demarcação das terras, já que o governo tomou medidas que favorecem os ruralistas.
Triste ver que foi um ato solitário, porque, embora fosse um número expressivo, ainda é uma parcela ínfima, diante do poder de força dos militares que ali estavam, para conter o avanço dos manifestantes.
Foram expulsos como bandidos, banidos como vermes indesejáveis. Nosso país é uma piada, nossos governantes não estão nem aí para as necessidades do povo. As leis são criadas para benefício próprio...
Cansada desse estereótipo de democracia. Sei que a República Federativa do Brasil foi conquistada como tantos outros foram: através de guerras, invasões, confrontos, escravidão, colonialismo, poder de fogo, espada, e o que tivesse na época. Dessa forma, os derrotados passavam a pertencer aos conquistadores; sem direitos, só deveres.
Mas hoje somos "civilizados", logo essas atrocidades não deveriam acontecer. Deveria ter conversa, diálogo, meios, formas que minimizassem os impactos e estragos impostos à população indígena brasileira. É nosso dever lutar por essa causa; são nossos ancestrais. Deles também vêm nosso berço, e devemos preservá-lo o máximo possível. Respeitar o seus espaços, fazer de tudo para que vivam bem, divulgar as sua histórias, propagar a sua cultura, suas lendas.
O Brasil não tem tanto a se orgulhar, a ponto de desprezar uma parte tão preciosa da história, desprezando seus primeiros habitantes, dizimando séculos de sabedoria.
Um país não é feito por uma classe. Um país é feito por um povo.


terça-feira, 25 de abril de 2017

Calvície com os dias contados

Beleza

Ser careca, hoje em dia, é sinônimo de estilo. Mas uma grande parte da população, que foi perdendo os cabelos ao longo da vida, não gostam. Calvície, ou alopecia androgenética, pode acometer tanto homens quanto mulheres.
Segundo o dermatologista, Marcelo Staccioli, tanto a parte genética, hereditária, quanto a hormonal, estão envolvidas no desenvolvimento desse tipo de queda de cabelo."Os homens, com maior tendência genética, por terem mais hormônio masculino que as mulheres,sofrem mais, e costumam apresentar as formas mais extensas, que iniciam entre os 17 e 23 anos. Nas mulheres, a calvície pode ocorrer ainda mais cedo, principalmente se existir algum desequilíbrio hormonal, como o que acontece na síndrome do ovário policístico; Mas se torna mais evidente após a menopausa, quando se perde a proteção dos hormônios femininos. Os fios do vértice e da região frontal do couro cabeludo, parte de cima da cabeça e frente, são os mais sensíveis  a esses hormônios masculinos, por isso, que vemos pessoas calvas justamente nesses locais." Esclarece.


                                                    Foto: Divulgação

É o caso de Celso de Melo Costa, de 33 anos. O baiano conta que começou  a perder os cabelos aos 25 anos de idade e que outros membros da família também são calvos. Embora já tenha passado tantos anos, Celso afirma ainda não ter se acostumado com a calvície e procura sempre usar boné.
Ainda não há um tratamento clínico definitivo para a calvície. Diversos medicamentos procuram impedir ou retardar ao máximo a progressão da queda de cabelo, mas muitos precisam usar continuamente e sob supervisão médica. Ainda existe a possibilidade de tratamento cirúrgico, como o implante capilar, que é caro.
Uma nova tendência para amenizar a calvície é a prótese capilar não cirúrgica. Indolor, mais barata e com aspecto natural, a prótese vem sendo a solução para quem não quer mais exibir a "careca". A empresária especializada no ramo de megahair, Érika Figueiredo, do salão Rapunzel, vem desenvolvendo essa técnica com muito sucesso. Segundo ela, além do preço e do não sofrimento, o procedimento tem outras vantagens: atende a todos os casos de calvície definitiva ou de médio e longo prazo, e tem duração prolongada, exigindo apenas uma manutenção periódica. Além disso, o usuário pode realizar todas as atividades do seu dia sem restrições.
"As peças são feitas sob medida para os clientes, normalmente usando-se fios naturais, o que garante um aspecto naturalíssimo. São montadas em telas finas, que aderem ao couro cabeludo, onde as próteses são fixadas com uma espécie de micropele de silicone transparente, em uma intervenção que dura poucas horas.



                           Fotos: Divulgação
A manutenção deve ser feita a cada dois meses e a prótese pode durar até dois anos, se bem cuidada. Custa a partir de R$600,00 e a manutenção em torno de R$100,00. 
Fica a dica!



segunda-feira, 24 de abril de 2017

Empresária carioca dará dicas em Reality Show voltado para negócios

Televisão


Começou hoje, 24, o reality “Em Frente às Feras”, às 21h, na TV Aberta (canal 05 da NET). O objetivo do programa é ajudar os novos empresários a impulsionar seus negócios, através de consultorias e dicas com cinco feras de diferentes áreas.
Nele, pequenos e microempreendedores, de todo o Brasil, disputarão, em cada episódio, o direito de permanecer no programa, que será exibido todas as segundas-feiras. Este é um projeto idealizado pela empresária Kátia Teixeira (Amazing Balls e Agora é que são elas). 
A empresária carioca, Cristiane Goulart, que ainda esse semestre  lançará o projeto de franquia da "Coffee Break Delivery", voltado para o público feminino, é uma das que compõem o time de julgadores do programa.
Sob a orientação de Cris e mais quatro empresários de São Paulo, cujos negócios estão focados em diferentes segmentos, os concorrentes terão dicas para impulsionar seus empreendimentos e seguir no reality. O vencedor ganhará um prêmio de R$10 mil reais, para investir em imagem, marketing, assessoria, coaching, além de consultoria financeira e também nas demais áreas, que podem fomentar um negócio bem-sucedido.
Sobre os “feras” que estarão julgando os participantes,  diferente da produção americana, não irão associar-se ao empreendimento, e sim ajudar a fazê-lo crescer.São eles:
Cris Goulart, dona do Buffet corporativo "Altas Ideias", que tem em sua cartela de clientes, empresas como Multishow, Firjan, Fábio Porchat, entre outros. Também tem em seu currículo um canal no youtube, chamado "Pitadas de Empreendedorismo", palestras por todo o país, e uma coluna em uma revista virtual sobre empreendedorismo.
Eleandro é especialista em tecnologia da informação, graduado em Processamento de Dados, Master of Business Administration, em Tecnologia da Informação, consultor/facilitador credenciado do "Workshop Empretec ONU/SEBRAE", no Brasil, onde apoia os participantes a desenvolver e potencializar os comportamentos empreendedores e a buscar melhores resultados. Personal, profissional e leader coach, pela Sociedade Brasileira de Coaching – SBC, o empresário, com 24 anos de experiência na gestão de suas próprias empresas, no ramo de comércio e manutenção de equipamentos de informática, desenvolvimento de software/sistemas, consultoria, treinamento e saúde odontológica.
Cido Rodrigues é empresário, jornalista e palestrante, e também atua como executive e business coach, para micro e pequenas empresas, com especialização em negócios eletrônicos e comunicação empresarial. Membro do Conselho do Sesi/Senai, autor do e-book "45 Dicas para melhorar o resultado nos negócios", entre outras publicações.
Christiane Borges é Sócia fundadora da "Supreme Contabilidade". A empreendedora também é co-fundadora e sócia da "Startup Boutike do Contador".
César Henrique é especialista em empreendedorismo, liderança, motivação e vendas, e formado em Administração de Empresas e Teologia. É palestrante e conferencista, além de credenciado a ministrar workshop Empretec pelo SEBRES/ONU no Brasil. O empresário é proprietário da "Aliança Consultoria", e, nos últimos 25 anos, já empreendeu em ramos variados, desde livrarias e videolocadoras a distribuidoras de gás, refrigerantes e concessionárias.
“A ideia é ótima e não pensei duas vezes em aceitar. É a oportunidade para quem quer realmente crescer, com a ajuda de profissionais, que já estiveram nesse patamar e que conseguiram construir uma trajetória de sucesso com muito trabalho”, diz Cris, escolhida em 2016 como uma das "W50" – programa do Banco Santander, que elege 46 mulheres ao redor do mundo, para treinamento de capacitação de novas líderes.


Foto: divulgação

domingo, 23 de abril de 2017

NAC Dance promove audições para bolsas de estudos

Dança


A escola de dança, NAC Dance, está em busca de novos talentos, e promoverá audições de balé clássico, jazz e sapateado, entre os dias 24 e 28 de abril, na própria sede da escola, no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de janeiro. Serão oferecidas bolsas de estudo, 100% gratuitas, para maiores de 12 anos, de ambos os sexos. Além das aulas, os alunos terão a oportunidade de integrar companhias formadas pela escola, para participar de festivais e eventos.




Fotos: Graciette Grace

A NAC Dance foi criada há 17 anos, pelas irmãs, bailarinas, Natália e Amália Cigarro. De acordo com as professoras, a dança proporciona postura, precisão, flexibilidade, imaginação, expressão, coordenação, e, sobretudo, tenacidade.
Natália Cigarro, diretora da NAC, formada em balé, jazz e dança moderna, pela Academia Valéria Moreyra, desde 1994, conta que sempre soube das dificuldades de viver da arte e para a arte. A iniciativa de ajudar e incluir pessoas, que não têm acesso às aulas de dança, surgiu justamente dessa consciência e por ter enfrentado tantos desafios para manter a sua escola. "A dança tem o poder de socializar, de elevar a autoestima, além de tonificar o corpo, trabalhar a musicalidade e o ritmo. E passar isso para uma geração imediatista é incrível!" Esclarece. A diretora relata, que já  dava aulas desde os 19 anos e fazia teatro, mas foi para São paulo, trabalhar como comissária de bordo internacional, porque sua mãe não podia manter as duas irmãs. Foram quatro anos afastada da dança, mandando dinheiro, para que Amália continuasse tendo as aulas e também pudesse se formar.
Após esse período na aviação, alugou uma sala em um shopping do Rio, onde começou o seu sonho de ter uma escola inclusiva."Ficamos por dez anos nesse lugar e sai de lá endividada; Passamos para outro, onde chegamos a ter 30 alunas bolsistas. Eu procurava patrocínio com os lojistas do bairro para pagar o figurino dessas alunas que não podiam. Nosso pai, Edmundo Cigarro, nos ensinou que o esporte e a arte podem fazer a diferença. Agora, estamos recomeçando, em um novo espaço, desde junho do ano passado. Quando as contas estabilizaram, nosso primeiro pensamento foi o projeto das bolsas, para incluir e formar profissionais, que representem a NAC Dance em festivais. Amamos fazer a diferença, dar uma oportunidade e mudar a vida de alguém." Emociona-se, Natália.
A equipe da escola de dança é formada por: Bia Rufoni; Isabella Muller; Luara Campos; Eduarda Carolina; Gaby Chaparro; Alexandre Prates, com o balé clássico; Javier Berteloot, professor renomado de flamenco; Lu Moura, com o jazz; Carol Moraes com o contemporâneo, e Márcia Bortolotto, com a dança para portadores de necessidades especiais.



Para participar das audições, é necessário levar sapatilhas e estar vestido de forma adequada. O endereço da escola fica na Rua Giocondo Dias, 96, próximo ao Recreio Shopping, no Rio.
Para agendar o horário e para maiores informações, ligar para 98708-4171/ 984484171 ou através da fanpage: facebook.com/escolanacdance.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Dia Nacional do Choro - Centenário de Carinhoso

Cultura 


O Dia Nacional do Choro será comemorado no próximo dia 23, em grande estilo, no evento organizado pelo “Movimento Choro Suburbano da Leopoldina”, formado pelos músicos, Marcio Vinhas, Cenira Santos, Paulo Santos, Ulisses Conte, Mestre Siqueira e Zelão do Cavaco. Será a maior reunião de instrumentistas em torno desse ritmo, genuinamente brasileiro, que é o pai do samba e o avô da bossa nova.
Este ano a homenagem marcará, também, os 120 anos do Maestro Pixinguinha e os 100 anos de um dos seus choros mais famosos, "Carinhoso", em parceria com Braguinha. A programação começará com a “Bênção de Pixinguinha” às 7h, em Ramos, em frente a casa onde morou o Maestro. Os instrumentistas interpretarão “Carinhoso”, e será lido um manifesto pela valorização do subúrbio e sua cultura. Dali, as homenagens seguem para a Estação de Ramos, onde Paulo Ramos também será homenageado.
Às 10 horas acontecerá a “Saída do Trem do Choro”, na Central do Brasil. O evento, já em sua quinta edição, realizará uma viagem literalmente musical com execução dos clássicos do choro. Para embalar esse passeio lúdico, em cada vagão, um grupo de chorões. Já estão confirmados: Choro Samba & Cia; Choro Suburbano; Regional Ernesto no Choro; Josias Nunes e os Chorões, e Pexin Budega. O destino será a Estação Penha Circular.
O grupo Choro Samba & Cia faz parte da nova geração do gênero e encarna a missão de mantê-lo vivo. Os “Chorões da Nova Geração” são os Multi-instrumentistas, Bonfim Lopes Lehart, JF Neves, Rafhael Santos, Cida Adão e Café, que interpretam clássicos da música brasileira. No repertório, os gêneros genuinamente brasileiros: choro, samba e bossa nova.

          Foto Alle Vidal
Das 13h às 22h, acontecerá um show na Lona Cultural João Bosco, em Vista Alegre, com os maiores representantes do gênero: Hamilton de Holanda (padrinho do Trem do Choro); Antônio Rocha; Zé da velha e Silvério Pontes; Zeca do trombone; Sombrinha; Escola de Choro AMC da Baixada; Nelson Sargento; Velha Guarda da Imperatriz Leopoldinense; Paulo Santos e Movimento Coletivo Choro Suburbano, e o bandolinista Hamilton de Holanda, que é o padrinho do trem do choro e um dos maiores representantes do choro no Brasil e no exterior. O artista começou a tocar aos cinco anos de idade e a se apresentar aos seis. Aos oito anos, o músico mirim já acumulava três anos de prática e dois de palco. Aprendeu a tocar antes mesmo de ser alfabetizado. Hamilton tem quase 30 trabalhos lançados, entre vídeos e CDs.









 Foto de arquivo
A Lona Cultural João Bosco fica na Avenida São Félix, 601, em Vista Alegre.
A entrada é franca e a classificação etária é livre.

Programação:

 7 h.  Casa de Pixinguinha - Rua Pixinguinha, 7 - Ramos
 8 h.  Estação de Ramos
10 h. Trem do Choro - Estação Central do Brasil
12 h. Carreata do Choro - Estação Penha Circular
13 h. Lona Cultural João Bosco 
















Duo Siqueira Lima no Sesc Vila Mariana

Cultura 


Crédito da foto: Edu Sardinha

O Duo Siqueira Lima se apresenta no Sesc Vila Mariana, SP, dentro do programa "Cortina Fechada - Territórios da Arte", que tem como tema "Compositores Censurados", no próximo dia 22, às 18h30.
O duo de violões, formado por Cecília Siqueira e Fernando de Lima, traz nesse concerto o repertório de obras que sofreram cerceamento ou cujos compositores, também por causa da censura e perseguição política, tiveram de deixar seus países para continuar a produzir.
Dentre as obras apresentadas estão algumas do compositor espanhol Manuel de Falla, que se exilou na Argentina após a vitória de Franco na guerra civil; Mario C. Tedesco, italiano de ascendência judaica, exilado na Califórnia em 1939, fugindo do fascismo na Itália; além de Fernando Sor, Alexandre Tasman e Astor Piazzolla.
Um dos mais prestigiados artistas de violões da atualidade, com um trabalho que une o clássico ao instrumental brasileiro, detém diversos prêmios e se destaca pelo sucesso de público e crítica, seja nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia.
Com uma versatilidade técnica, musical e interpretativa, o duo tem três álbuns, abrangendo da música barroca europeia ao popular sul-americano, e em junho passado o lançamento do CD "The Art of Duo Siqueira Lima", pela GuitarCoop, que é uma plataforma digital para apreciadores de violão, com um repertório diversificado, indo do popular ao erudito. Essa plataforma se baseia em uma parceria com os artistas, que participam do resultado das vendas de sua música e desfrutam de total liberdade artística. Com o foco na qualidade, as gravações são feitas nas melhores salas e com os melhores equipamentos, com uma abordagem multimídia que reflete as tecnologias e os hábitos de escuta do século 21. Integram a GuitarCooper outros renomados violonistas, como Edson Lopes, Fábio Zanon, Jorge Caballero, Paul Galbraith, Paulo Martelli e Scott Tennant
Cecília nasceu em Paysandu, no Uruguai. Veio de uma importante família de músicos. Seus pais, professores de violão, Júlio Siqueira e Raquel Franco, a encaminharam para esse meio ainda pequena, e aos 15 anos já conquistava o primeiro prêmio em um concurso nacional de violão. Fernando é de São Bento Abade, pequena cidade de Minas Gerais, e que  também teve uma infância bastante musical por meio de sua família que sempre cultivou a cultura mineira. Interessou-se pelo violão clássico aos 12 anos, período que iniciou seus estudos com Luiz Carlos da Silva, continuando com Marcelino Diogo Leite no "Conservatório Maestro Marciliano Braga, em Varginha, MG. Posteriormente mudou-se para São Paulo e teve como principal mestre o professor e violonista Henrique Pinto.
Ambos, que possuem uma carreira internacional invejável se conheceram no II Concurso Internacional de Violão Promusica/SESC, em 2001, na cidade de Caxias do Sul (Brasil) onde dividiram o primeiro lugar entre participantes de vários países. Esse evento foi crucial para a formação do duo e para o início de uma carreira de sucesso. 
Assim, desde 2003, quando tiveram sua estreia na Europa, eles se apresentaram frequentemente no continente, como também nos Estados Unidos, América do Sul e África. Já atuaram para públicos de Paris, Milão, Madrid, Londres, Dublin, Bruxelas, Amsterdam, Lausanne, Luxemburgo, Moscou, Minsk, Varsóvia, Bratislava, Saravejo, Nova York, Los Angeles, Miami, Dallas, Las Vegas, Pretória, Luanda, México, Montevidéu e várias capitais brasileiras.
Além de solista e camerista, Fernando desenvolve um trabalho profundo como pesquisador de repertório, arranjador e professor de bacharelado em violão na Faculdade Cantareira, em São Paulo. Os artistas também são muito solicitados a realizar Workshops e Master Classes em diversas instituições e festivais de música pelo mundo, inclusive na Universidade Federal do Rio de Janeiro.
O endereço do Sesc Vila Mariana fica na Rua Pelotas, 141, auditório, 1º andar, torre A.
Os ingressos custam de R$8,50 a R$17,00, e a classificação etária é 12 anos.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Escritor brasileiro faz sucesso em plataforma digital

Literatura


Você já ouviu falar em Wattpad? É um aplicativo gratuito, que permite que as pessoas descubram e compartilhem histórias. Atualmente é utilizado por mais de 40 milhões de pessoas ao redor do mundo para encontrar entretenimento, que corresponda aos seus interesses e se encaixe em seus horários. O Wattpad oferece histórias em mais de 50 países e funciona em dispositivos móveis e web.
Foi através dele que o friburguense Chaiene Santos alcançou mais de um milhão de leituras com o livro de ficção científica "Os Filhos do Tempo", o mais lido na categoria, e conquistou recentemente o prêmio Internacional Watts, da categoria "As Mais Populares"em língua portuguesa.
Muitos autores enfrentam dificuldades para lançar um livro, que não é fácil sem o incentivo das grandes editoras brasileiras, por essa razão que as plataformas digitais ganham tamanha força no mercado, ocupando o espaço das tradicionais livrarias.
Chaiene revela que a ideia de publicar as obras completas na plataforma surgiu após um bate-papo com os familiares. "Minha sobrinha apresentou-me o aplicativo no ano passado, e decidi colocar meus livros lá, mais por curiosidade. Logo nos primeiros dias, notei que houve uma grande aceitação dos leitores. A cada dia aumentava mais o número de seguidores, que já são mais de 27 mil. Felizmente, o livro gerou um alcance incrível e inesperado. Isso demonstra que estou no caminho certo", celebra. Os Filhos do Tempo faz parte de uma trilogia do autor e conta a história de Nícolas, um estudante de Física, que adora observar o universo. O jovem se apaixona por uma nova aluna da faculdade, Zara; mas Nícolas não sabe que ela veio de outro planeta para levá-lo embora como parte de uma missão. A partir daí, começa uma jornada surpreendente, onde o leitor viajará por um  mundo cheio de aventuras.
Sobre o prêmio recebido, Chaiene Santos conta que mais de 75 escritores concorreram e que não tinha muitas expectativas de ganhar, "mas foi um incentivo para continuar escrevendo", lembra o autor, que também foi escolhido para ocupar o cargo de embaixador do Wattpad em língua portuguesa.
As publicações do escritor, em sua maioria, são direcionadas ao público jovem adulto, no gênero de ficção científica. Entre outras obras, também em versões inglês e espanhol, podemos citar: "Palavras Perdidas de Um Anjo"; "A Lua da Morte"; "O Anagrama da Morte", "Uma Luz no Começo do Túnel"; "A Origem da Vida"; "Poesias e Poemas - Amar, Curtir & Compartilhar"; "101 Dicas para Autores", "A Batalha dos Deuses" e "O Bisturi de Ouro".
"A Wattpad me deixou surpreso, pois os autores têm a chance de mostrar o seu trabalho para mais de 50 países. Os leitores comentam sobre a história, dando um feedback ao escritor, mostrando as suas opiniões. É uma ferramenta fantástica que recomendo a todos. A repercussão é tão grande que as grandes editoras começam a procurar os autores da plataforma", conclui o autor que acaba de lançar o livro "O Homem Fantasma", do gênero fantasia. É a história de uma profecia, onde uma criança especial será capaz de unir os reinos, humano e mágico; alguém que será grande, um homem fantasma, que caminhará entre a tênue linha dos vivos e dos mortos, num cenário envolvendo a inquisição, que utilizava o poder da igreja para enriquecer e exterminar possíveis ameaças e feiticeiros dos mais respeitáveis clãs.
Para que você tenha ideia da importância dessas plataformas no cenário, recentemente, o canal "TNT" informou que está buscando histórias na internet para inspirar a nova versão da série "Tales from the Crypt". Um caso de sucesso é o da escritora E. L. James, com seu megaseller "50 Tons de Cinza", que teve origem como uma autopublicação.
Então, você gosta de escrever? Essa é a sua oportunidade, utilizando as ferramentas digitais gratuitamente.




  

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Lançamento do livro Os 31 Princípios Revelados

Literatura

                                      
Chega às livrarias do Rio de Janeiro o livro "Os 31 Princípios Revelados", de Thiago Duarteh.
A obra recém-lançada, que foi escrita em uma noite somente, traz uma incrível história de superação vivida pelo próprio autor.
Thiago, nascido e criado em uma comunidade do Rio, teve uma rápida ascensão, porém não soube administrar o dinheiro e acabou passando por sérias dificuldades.
Segundo o autor, vencer a desmotivação e a depressão para conquistar seus mais íntimos sonhos são os focos deste livro. Seus relatos vão desde a falência de alguns dos seus negócios, a expulsão de casa sofrida pelo pai e o Alzheimer da mãe, até chegar, literalmente, como ele diz, ao fundo do poço. 
É o primeiro livro de Thiago Duarteh, que conta como passou por uma depressão, deu a volta por cima, até chegar a publicação de seu exemplar, ao elaborar para a sua própria vida uma lista de princípios, que a utiliza até hoje em todos os momentos de sua jornada, desde o cuidado com a família e com o seu negócio de sucesso, hoje, no ramo imobiliário. "É muito mais que um livro de autoajuda, é um diário de inspiração para quem precisa não se desmotivar e continuar na luta em busca dos sonhos e objetivos, mas de uma forma compacta, já que temos uma vida tão atarefada", reforça.
Os 31 Princípios Revelados já podem ser encontrados na Livraria Leitura, no Shopping Via Parque, Metropolitano, ParkShopping Campo grande, no Bangu Shopping e no Américas Shopping.



Foto: divulgação  
   

sábado, 15 de abril de 2017

Doutores da Alegria lança edital para apresentações artísticas em hospitais do Rio

Cultura 

       Crédito da Foto: Lana Pinho 


A Associação Doutores da Alegria receberá até o dia 16 de junho deste ano, as inscrições, que são gratuitas, para o projeto Plateias Hospitalares, realizado no estado do Rio de Janeiro desde 2009, em parceria com as secretarias estadual e municipal de saúde. 
O edital selecionará artistas e grupos para se apresentarem em hospitais públicos em 2018 e 2019. Serão escolhidos trabalhos com foco em Artes Cênicas, Música e Dança. Entre os critérios de seleção estão a excelência artística do projeto, a criatividade, a originalidade, a qualificação dos artistas e técnicos e a adaptação da montagem em diferentes espaços de encenação.
O projeto Plateias Hospitalares é inspirado no programa americano "Hospital Audiences", que leva espetáculos culturais aos hospitais, com o objetivo de ampliar o acesso a apresentações artísticas de diferentes linguagens, como o teatro infantil e adulto,  teatro de bonecos, teatro de rua, intervenções cênicas, contações de histórias, circo, música e dança aos pacientes, acompanhantes e funcionários. As encenações ocorrem em sete hospitais públicos do Rio, sendo seis da rede estadual e um da rede municipal. Muitos dos internos têm seu primeiro contato com a Arte durante a sua internação.
Fundada por Wellington Nogueira em 1991, Doutores da Alegria é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que utiliza a arte do palhaço para intervir junto a crianças, adolescentes e outros públicos em situação de vulnerabilidade e risco social nos hospitais públicos e em ambientes adversos. Ele é totalmente gratuito e mantido por doações de empresas e pessoas, que reconhecem o valor de um sorriso desses indivíduos que perderam a esperança de uma melhora.
A associação já realizou mais de um milhão e meio de visitas a crianças hospitalizadas, além disso, destacam-se a formação, a ampliação do acesso à cultura e a geração de conteúdo para a sociedade.
Os interessados devem enviar os seus projetos para editalplateias@doutoresdaalegria.org.br. Para mais detalhes, acesse o site: www.doutoresdaalegria.org.br/doutores-da-alegria-abre-selecao-para-projeto-plateias-hospitalares



segunda-feira, 10 de abril de 2017

Gisa Pithan no Centro da Música Carioca

Cultura 

Há dez anos como referência de cultura na cidade, o Centro da Música Carioca Artur da Távola, na Tijuca, Rio de Janeiro, será palco de mais uma grande atração da música brasileira: Gisa Pithan, com seu novo show"No meio do Rio".
A artista, que veio de Brasília para fixar residência no Rio, tem no currículo diversas apresentações ao longo de sua trajetória, destacando-se a abertura  do show de Milton Nascimento na Esplanda dos Ministérios, em Brasília, abertura da dupla americana Tuck & Patty, shows na França, Festival de Jazz de Viena, temporada na Holanda, turnê de dez shows em cidades da Alemanha, entre outros.
Gisa, que além de cantora é compositora e instrumentista, interpretará canções consagradas da MPB, como "Pescador de Ilusões", O Rappa e "Ouro de Tolo", do genial Raul Seixas, em releituras inusitadas, além do repertório autoral de seus dois CDs, como "Farinha do mesmo saco", "Não queira saber a hora", "No meio do mundo" e muito mais. O show ainda conta com a participação dos músicos Cláudio Serva no contrabaixo e violão aço e Mike Will na percussão.
O Centro da Música Carioca funciona num antigo palacete e é patrimônio tombado da cidade do Rio. O belo conjunto arquitetônico oferece espaço para exposições, cursos, oficinas e espetáculos musicais. 
O auditório é luxuoso, tem excelente som acústico e acomoda 159 pessoas. Em um prédio anexo funcionam seis salas de aula onde são realizados os workshops e oficinas de musicalização. Tudo isso com preços acessíveis.
A apresentação de Gisa Pithan acontece na próxima quarta-feira, 12, às 19h30, na Sala Paulo Moura. 
O endereço é Rua Conde de Bonfim, 824, Tijuca. Ingressos a R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia). A classificação é livre.




Crédito foto: Moema Andrade.



domingo, 9 de abril de 2017

Tiago Marques na Paixão de Cristo

Cultura 


Segundo a tradição do Cristianismo, neste ano, a Semana Santa começa hoje (9) com o Domingo de Ramos, quando Jesus entra triunfalmente em Jerusalém, montado em um jumento, simbolizando a humildade e é recebido com folhas de palmeiras pelo povo, e termina no Domingo de Páscoa (16). Ela celebra a paixão, a morte e a ressurreição de Jesus Cristo. 
A Sexta-feira da Paixão remete ao sofrimento do Messias na cruz; são os instantes de dor e angústia antes e durante a crucificação, que, segundo os evangelhos, passou o filho de Deus. 
O Sábado de Aleluia(15) é comemorado por ser uma espera dos discípulos pela ressurreição do Salvador. É comum, nessa data, as pessoas fazerem vigílias até o domingo, quando Jesus ressuscita e ascende aos céus para ficar com seu pai, Deus. 
Durante essa semana, em vários lugares, são apresentados espetáculos desse momento marcante da bíblia.
Cristãos de todo o mundo são atraídos por essas celebrações com missas, procissões e manifestações de fé, cada um à sua maneira.
No Brasil, muitos atores conhecidos do grande público participam desses espetáculos, como Suzana Vieira, Odilon Wagner, Thiago Lacerda, Bianca Rinaldi, Carol Castro, Larissa Maciel, entre outros.
Eles atraem e emocionam multidões com suas versões, mais poéticas, de centuriões, Maria Madalena, discípulos e do próprio Jesus.
Esse ano, a cidade de Vassouras, município no Centro-Sul do Rio de Janeiro, terá Tiago Marques na peça cristã. O ator, que acabou de viver Abel na novela "O Rico e Lázaro" da Record TV, dará vida ao apóstolo Tiago Menor.
A Paixão de Cristo acontecerá na Praça da Matriz, às 18h, sob a direção de Bia Oliveira, que comanda 30 atores na encenação. Todos os artistas são da Cia Teatral Biarte em parceria com a cia de teatro local, EuGênio, que também produz o evento na cidade.




Crédito da foto Daniel Gonçalves


sábado, 8 de abril de 2017

Bazar da Ca em Icaraí

Quem curte moda e preços baixos já pode comemorar. 
Acontece hoje em Niterói, o Bazar da Ca, com grandes marcas como Iode, Santa Lolla, Cardigan, Triton, Armadillo, Ana Hickman e Toten.
São roupas masculinas e femininas com até 75% de desconto.


A responsável é a empresária Camylla Mello, que trabalha com as melhores marcas e pela primeira vez organiza um bazar.
A niteroiense afirma sentir-se otimista e confiante com o sucesso do evento, pois sabe da qualidade das peças expostas."Sem contar que estão com descontos imperdíveis", ressalta.
Em tempos de crise e também de conscientização sobre sustentabilidade e consumo, comprar peças em bazar tornou-se uma alternativa econômica para quem não abre mão da beleza.
O bazar acontece das 15h às 20h, no Life Studio Personal, que fica na Rua Gavião Peixoto, 124, sala 1106, Icaraí. Maiores informações pelo telefone (21) 98258-9545.


A gente se encontra lá! 💋

Empreendedorismo feminino

Cada vez mais engajadas, as mulheres vêm alcançando destaque no mundo dos negócios. Esse é um dos resultados do empoderamento feminino, que, tem proporcionado a elas, uma coragem de se lançar e cobrar espaço tanto na comunidade como no mercado de trabalho. Sabemos que há muito o que buscar, mas já podemos comemorar algumas mudanças.

A palavra empreendedorismo vem dominando o vocabulário das brasileiras. Por conta da crise econômica principalmente, a criatividade e os talentos individuais são as soluções para quem precisa viver sobreviver dentro desse panorama que o país apresenta.
Este é o caso de Cristiane Goulart, a carioca de 40 anos que divide com o marido, Alexandre Caramuru, o sucesso da marca "Altas Ideias", no ramo de buffet corporativo. Atendendo marcas do mais alto nível, o Altas Ideias e todo o know how de Cristiane estarão disponíveis para mulheres empreendedoras como a dona da marca, através do sistema de franquia de um buffet delivery.

A empresária começou sua carreira aos 14 anos como animadora de festas e vendedora de cachorro-quente; chegou a ter quatro negócios no mercado, todos voltados para festas e eventos.
Participou de um programa internacional de capacitação para mulheres empreendedoras e se destacou por conta da capacidade de ter seu negócio aumentando de faturamento de forma generosa. Em 2014, foi selecionada pelo Sebrae a participar de um projeto de benchmarking em Londres, onde foram capacitadas apenas 13 empresas brasileiras, dentre as quais o Buffet.

Em 2016, com o Altas Ideias tendo um faturamento 10 vezes maior em 4 anos, Cristiane foi selecionada para o "W50 Santander", programa que capacita mulheres líderes do futuro. Apenas duas brasileiras estiveram entre as 46 selecionadas em todo o mundo.



O projeto da franquia do Coffee Break Delivery visa justamente capacitar mulheres, incentivando-as a ter seu próprio negócio. O Altas Ideias atende as maiores e melhores empresas do Rio de Janeiro (Firjan, Rede Globo, Multishow) e vai ampliar seus horizontes, saindo de São Cristóvão para alcançar todo o Brasil.

De acordo com Cristiane, para quem quer montar seu negócio, é muito importante, além de muito trabalho, ter um pensamento positivo, acreditar que tudo vai dar certo. "Minha mente pensa grande sim, sou uma sonhadora emocionada e agradecida com o sopro de vida que recebo diariamente, e minha mente acompanha minha boca, uso sempre palavras positivas o tempo todo e tenho meu mantra sagrado que cito diariamente, que as melhores oportunidades estão vindo em minha direção, e, sendo assim, creio que tudo será possível para aquele que acreditar!" Ressalta.

Escrevendo um livro e para uma revista on-line, trabalhando no projeto da franquia, entre outras atividades, Cristiane Goulart estará na televisão gravando a nova temporada do reality "Em frente às Feras", que estreará em abril. No programa, A empresária será uma das "feras" que elegerá empreendedores que poderão ganhar um prêmio de 10 mil reais em consultoria, cursos e utensílios para alavancar seus negócios. O programa será exibido todas as segundas, na tv aberta, canal 09 da Net.

Para driblar a crise e o desemprego, torna-se necessário criar ou adaptar meios de trabalho. Foi o que fez Ana Silva. Aos 39 anos, a "Personal Organizer Home" formada em Administração que há dois anos comanda a "Limplex", empresa com soluções imediatas para o lar.

Ana conta que sempre gostou de dar dicas para facilitar o dia a dia das pessoas, então apostou em um trabalho próprio que ela já se identificava. Como já conhecia a profissão, procurou cursos para se aprimorar. 

"Basicamente, a Personal Organizer facilita a vida dos clientes, pessoas que gostam de organização mas que não têm tempo para isso. Eu me dedico a projetos para toda a casa, incluindo closets, armários, guarda-roupas e estantes. Um Personal proporciona soluções para tornar a casa ou ambiente residencial, um local mais equilibrado, funcional, harmonioso", explica.

Segundo Ana, a procura por esse serviço tem sido grande, tanto homens quanto mulheres e isso deve-se ao fato de que quando os objetos, locais e cômodos estão agradáveis e bonitos,  "proporciona bem-estar a todos, praticidade e rapidez para encontrar o que se busca e mais qualidade de vida em sua própria casa".



O mesmo aconteceu com Vivia Carvalho. A carioca de 41 anos desistiu de um trabalho formal para se dedicar a um brechó virtual. Apaixonada por moda, tudo começou com as vendas on-line, importados comprados para revenda. Como ela tinha filhos ainda pequenos, era uma forma de estar com eles, sem comprometer a segurança e educação das crianças.

Com o passar do tempo e vendo os filhos crescendo e perdendo as roupas e calçados e também descartando suas próprias roupas, Vivia viu uma nova forma de ganhar dinheiro a um lucro de 100%. Assim nasceu o "Brechó Trendy" que há um ano e meio vem crescendo e conquistando seu espaço. As peças em ótimo estado de conservação chegam no período combinado.

Vivia Carvalho conta que no início as pessoas ficavam um pouco receosas na hora da compra por justamente não manusearem o objeto, então, foi necessário ter muita calma e paciência, pois o medo é natural e com o tempo a clientela foi percebendo a seriedade do seu negócio. Ser o mais transparente possível, tirar as dúvidas em relação a tamanho, cores, passar segurança, credibilidade e confiança.
"É muito gratificante trabalhar no que se ama", emociona-se. 

Uma grande preocupação da empreendedora é administrar o tempo na internet para que possa estar com os filhos. Sobre as iniciantes nesse ramo do mercado ela ressalta que é primordial gostar de lidar com pessoas: "Apoio quem gostaria de montar um brechó virtual, é uma oportunidade de ter seu negócio e o segredo é fazer com muito amor e dedicação. O resultado vem com o tempo."












































































sábado, 1 de abril de 2017

Imagens aéreas do Rio de Janeiro serão documentadas no Wikipédia

O Rio de Janeiro é sem dúvida alguma, uma das cidades mais belas do mundo e considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO.





Reconhecendo a importância histórica do estado, o Wiki Educação Brasil, grupo filiado à Wikimedia Foundation, firmou parceria com o fotógrafo Diego Baravelli e lançou o projeto "Rio From Above". 
O objetivo é documentar toda a região metropolitana por meio de fotos e vídeos realizados em sobrevoos pelo o estado do Rio.
Criado em 2015, o Grupo Wiki Educação Brasil é formado por professores, pesquisadores, estudantes e voluntários ligados a projetos da Wikimedia Foundation, dentre eles, a Wikipédia.
Sob a coordenação de Rodrigo Padula, o projeto atualmente conta com mais de 20 membros ativos e dezenas de colaboradores, vindos de diversas áreas do conhecimento, que defendem a popularização da ciência e a inclusão digital.
Além de fotógrafo, Baravelli é geógrafo, o que resulta em pontos de vista interessantes, refletidos em sua coleção. Com ampla experiência em fotojornalismo e fotografia de paisagem, em 2016, foi o vencedor do concurso "Wiki Loves The Olympics", registrando momentos especiais dos Jogos Olímpicos do Rio.
De acordo com Baravelli, "ver de cima uma das cidades mais famosas e procuradas por turistas é uma experiência indescritível. Com o fim dos megaeventos, o Rio de janeiro apresenta novos contrastes: de um lado, as praias paradisíacas, de outro, lugares vazios e já deteriorados em curto espaço de tempo. O Rio from Above ajudará a construir uma nova noção espacial, oferecendo de forma gratuita ao público, uma viagem, que, literalmente, expande horizontes."



Inicialmente, o acervo conta com o material pessoal do fotógrafo, que liberou os direitos autorais e de uso. Até o momento, foram publicadas cerca de 65 imagens, que já estão em uso em 214 artigos da Wikipédia, em 35 idiomas diferentes. A meta é realizar voos periódicos pelo estado e recrutar novos colaboradores. 



"O movimento Wikimedia está muito feliz com a generosidade e a parceria do Diego (Baravelli) e do Guilherme Nobre, da empresa Comandante Nobre - Passeios de Helicóptero no Rio, que nos apoiará com voos panorâmicos gratuitos em 2017. Futuramente, buscaremos parceiros para a montagem de uma exposição fotográfica com base no acervo multimídia publicado no Commons." Comemora Rodrigo.



Todas as fotos podem ser conferidas neste link: https://goo.gl/WKgsaJ